contato@dralauraohana.com.br    |   

Festinha saudável. Como fazer?

Então você tem um bebê pequeno que ainda não provou açúcar na vida e você quer fazer uma festinha com tudo de saudável que ele possa comer!

Ou você é só um adulto no meio da quarentena querendo cantar parabéns pelo zoom, mas sem querer fazer um monte de besteiras pra passar o resto do mês comendo sozinho!

Então presta atenção nessa dica!

Dá pra fazer uma festinha linda, colorida e muito saborosa só usando ingredientes saudáveis e sem usar nem um pingo de açúcar!

E o melhor! Todas as receitas estão aqui pelo feed! A um click de distância!

Anota aí a lista do que a sua festinha pode ter:

Bolo feito 100% de frutas (esse da foto. Só usar seus dotes artísticos e dar a forma que você quiser)

Cremes doces de:

abacate com banana e limão
banana com morango
banana com maracujá

Canapés de torrada de arroz com:

Abacate, tomate e sal negro
tofu com geléia 100% fruta
banana ou ameixa seca com pasta de amendoim

Pãezinhos ou torradas ou mesmo legumes crus cortados em bastõezinhos (cenoura e pepino funcionam bem) com pastinhas:

homus tahine
guacamole
pastinha de cenoura cozida com azeite
babaganoush
maionese de abacate com tahine

Not dog de cenoura
kibe de legumes ou de lentilha (ou do que preferir)

Pode também deixar a disposição na mesa:

brocolis cozido
tomatinho cereja
frutas picadas ou salada de frutas (se colocar na casca da melancia fica a coisa mais linda!)
tâmaras sem caroço com morango dentro
frutas secas como damasco, passas, banana seca
amendoim

Gente, vai por mim! Se tem coisa que eu entendo é de festa de criança! 2 filhos e 2 sobrinhos veganos, fora os outros aniversários da família que a gente tenta dar um toque vegano e, sempre que possível, saudável! Esses pratos fazem sucesso e enchem a mesa! E as crianças podem comer sem medo!

No próximo aniversário de casa, experimenta essa forma de fazer festa! Esse momento que exige nos exige maior reclusão e menos aglomeração é momento também de desconstruir conceitos. E fazer escolhas, mesmo que pra poucas pessoas, muito mais saudáveis, pode ser muito melhor!

Me conta o que achou!

Laura Ohana - Doctoralia.com.br